quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

MMA Com Dinheiro Público

Leiam a notícia veículada no http://esportes.terra.com.br/.
 
 
"MP vê "gasto abusivo" e recomenda suspensão do UFC São Paulo"
 
(...)
 
Em portaria assinada por Valter Foleto Santin, 2º Promotor de Justiça do Patrimônio Público e Social da Capital, o MP classifica o patrocínio da prefeitura como "gasto gasto desnecessário, abusivo e excessivo de recursos públicos em atividade não olímpica, consumindo boa parte de valor destinado à Secretaria para eventos". A Secretaria Municipal dos Esportes, Lazer e Recreação destina ao UFC R$ 2,5 milhões dos cerca de R$ 3,3 milhões que tem disponíveis para eventos em 2013 - mais de 75% da verba do ano.
 
(...)
 
Quanto de saneamento básico não poderia ser realizado com 2,5 milhões de reais? Quantos medicamentos não dariam para adquirir com esse valor? quantas viaturas policiais não estariam nas ruas? quantas ambulâncias da SAMU à mais?
 
Ah! o valor do transporte público e dos combustíveis vão aumentar em breves dias.
 
É assim. Para os políticos, os serviços públicos já estão num nível excelente, então, podem torrar dinheiro público com um pouco do muito desnecessário que já temos no Brasil.
 
Eles esmurram a nossa cara com luvas que nós mesmos compramos.
 

Nenhum comentário: