Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2016

Família Edificada

Reflexão proferida no Seminário Família Vitoriosa, realizado pela Assembleia de Deus em Rio Sena - Salvador/BA, sob a coordenação do Pr. Raimundo Campos.

Esta Palavra pode mudar, para melhor, o ambiente da tua família.


O Rede, da Pastora Marina, Quer Saber Porque o Pastor Samuel Ferreira tem Passaporte Diplomático.

O deputado da Rede, Aliel Machado, vai apresentar um requerimento na Comissão de Relações Exteriores para convocar José Serra. Quer que o ministro explique porque concedeu um passaporte diplomático ao pastor Samuel Ferreira, da Assembleia de Deus (Brás/SP).

Fonte: veja.abril.com.br/blog/radar-on-line
A pergunta que não quer calar é: "Porque cristãos tem que se envolver com esta prática?" Falo da necessidade de um pastor possuir passaporte diplomático, ou seja, um "privilégio". Ainda que oferecido à ele, porquê o pastor Samuel Ferreira não rejeitou esta benesse?
Em tempos de crise moral e ética no país, uma "turma" ainda alimenta a sanha por privilégios que ofendem os cidadãos brasileiros. Com a palavra, também, os "nobres políticos cristãos".
As autoridades cristãs deveriam protagonizar as ações por uma sociedade mais justa e igual, invés de se envolverem nessas práticas que ruborizam o rosto e o corpo de Cristo.
"Se as pessoas não mudarem sua p…

E o Tempo Não Pára. Insiste em Dizer: "A Bíblia Tem Razão".

O Clube Atlético Tigre, time da 1ª divisão do futebol argentino, sai na frente dos rivais no campo da tecnologia e lança o ‘Passion Ticket’, um chip para ser implantando embaixo da pele do torcedor que dará acesso às arenas onde o clube estará jogando. Além da entrada nas partidas, o sistema também fornecerá informações sobre o jogo a ser disputado, que normalmente estariam em um ingresso impresso.
A identificação é feita por meio de rádio frequência, portanto, basta o torcedor com o chip implantado aproximar-se dos scanners dispostos nos acessos ao estádio. “Essa nova opção de ticket nos permitirá oferecer uma experiência melhor para nossos fãs, já que eles terão que enfrentar menos filas e menos espera para entrar no estádio, inclusive usufruindo de benefícios exclusivos reservados aos detentores do Passion Ticket”, explica Ezequiel Rocino, secretário geral do Clube Atlético Tigre, e primeira pessoa a experimentar o recurso.
Desenvolvido pela agência de publicidade McCann de Buenos…

Na Maior Democracia do Mundo Se Respeita a Fé Alheia

Reproduzo parte do discurso de renúncia do candidato a indicação republicana para concorrer a Presidência dos Estados Unidos da América.
Dentre outras afirmações espirituais, disse o governador, John Kasich, na última quarta-feira:
"Enquanto suspendo minha campanha hoje, tenho fé, uma fé profunda, que o Senhor me mostrará o caminho adiante e satisfará o sentido da minha vida."
Fonte: g1.globo.com
Se fosse aqui em terras brasileiras, boa parte da imprensa e os políticos de esquerda estariam ridicularizando a fé do governador. Mas, como é na "maior democracia do mundo..."

Antes de decidir sobre sessão, Waldir Maranhão pediu tempo para "falar com Deus".

No exercício da presidência da Câmara (...), Waldir Maranhão surpreendeu um grupo de deputados do PT, PCdoB, PSOL e Rede que foi ao seu gabinete pedir que ele abrisse uma sessão de debates no Plenário nesta tarde. Os parlamentares queriam a sessão para criticar Eduardo Cunha e elogiar sua suspensão do posto.
Diante do pedido, Maranhão pediu dois minutos para "falar com Deus" antes de definir se abriria ou não o Plenário. Instantes depois, anunciou que permitiria a reunião de debates. Foi quando Ivan Valente, líder do PSOL, brincou com a "consulta espiritual" feita por Maranhão. "Deus foi rápido, presidente".
Fonte: Época online
Comento:
Observe a "brincadeira" do deputado Ivan Valente (PSOL). Ele demonstra apenas seu ateísmo, que é característica dos integrantes de partidos radicais de esquerda. Até aí, tudo bem. Ele tem o direito de não acreditar no que o deputado Waldir Maranhão acredita: Deus.
O maior problema dessa gente é não ter a capacidade …