Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Setembro, 2018

Servindo Em Casa

Pois bem, se eu, sendo Senhor e Mestre de vocês, lavei-lhes os pés, vocês também devem lavar os pés uns dos outros.Eu lhes dei o exemplo, para que vocês façam como lhes fiz. Digo-lhes verdadeiramente que nenhum escravo é maior do que o seu senhor, como também nenhum mensageiro é maior do que aquele que o enviou. Agora que vocês sabem estas coisas, felizes serão se as praticarem"” (João 13:14-17).

O chamado de Deus para a humanidade é um convite à solidariedade. Um olhar para o outro como alvo de nosso apoio e ajuda. Nossa relação conjugal deve ser alvo primeiro desta solidariedade. Antes mesmo de olharmos o vizinho, o colega de trabalho, o irmão na igreja, ou o transeunte, Deus nos conclama a olharmos, prioritariamente, para nosso cônjuge.
Ajudar, independente de como, quando e porquês. Cristo rompe com nossas desculpas e mostra que, mesmo tendo um traidor entre seus discípulos, ajudar ainda é o melhor remédio para ele e para nós. Quem se nega servir não experimenta a felicidade. …

“Eu voto em Jair Bolsonaro”

O ruralista Frederico D’Avila, que foi assessor de Geraldo Alckmin, explicou na Folha de S. Paulo por que decidiu apoiar Jair Bolsonaro:
“Eu voto em Jair Bolsonaro para presidente da República. Motivos e razões não faltam. Ele é a melhor pessoa para comandar um país à beira da falência econômica, política e moral. É o único com capacidade de administrar o Brasil de olho nos melhores interesses de todas as pessoas que trabalham incansavelmente, de empresários a segmentos profissionais, de professores a alunos, de médicos a pacientes, de ricos a pobres. Um governo Bolsonaro coloca o Brasil nos eixos.
Lógico que Bolsonaro tem posições firmes sobre temas que lhe são caros. Mas ele não se isola, nem atua de maneira enclausurada. Ouve, escuta e sabe como apresentar no Congresso todas as reformas que vão devolver dinamismo, competitividade e seriedade para o país. Isso é essencial para acabar com a corrupção e com a negociação espúria do toma-lá-dá-cá.
Saber identificar demandas e possibili…