Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2014

A Copa do Mundo é Deles. O Brasil é Nosso!

Os estádios se enchem de torcedores, as tv's vendem caro as imagens das jogadas e dos gols, os jogadores são tietados como deuses do futebol e os jornalistas inflamam a galera para que mantenham o circo. O espetáculo tem que continuar...
De quatro em quatro anos, a famigerada FIFA organiza, em algum lugar deste vasto mundo, um torneio de futebol. Equipes de futebol se revestem de bandeiras nacionalistas e, em um mês e meio, disputam qual equipe é a melhor. A ideia, dizem, é promover o congraçamento entre as nações.
O futebol se tornou o esporte mais popular do planeta e, tendo alcançado a simpatia de bilhões de pessoas ao redor do mundo, atraiu aquelas raposas que não perdem a oportunidade de arranjar algum trocado. É justo que se conseguem atrair a atenção de tantas pessoas, que possam usufruir dos valores que alguns empresários estão dispostos a pagar para convergir esta atenção para seus produtos ou serviços.
O problema é a especulação em busca do dinheiro em detrimento da nobre i…

Casamento Deixa Seu Coração Mais Forte

Ter um amor faz bem. Principalmente para a saúde dos mais velhos. Quando eles precisam encarar cirurgias cardíacas, os solteirões quase sempre levam a pior: as chances de sobreviver pelos próximos três meses diminuem até três vezes, quando comparados aos casados. Foi o que aconteceu com 500pacientes entrevistados por pesquisadores da Universidade de Emory, nos Estados Unidos, antes de enfrentarem uma cirurgia no coração. Entre eles, o índice de sobrevivência dos casados era três vezes superior ao dos solteiros. E não apenas nos primeiros três meses pós-cirúrgicos, os benefícios continuam pelos próximos cinco anos. A culpa é do amor. Os pacientes felizes e apaixonados se mostram mais otimistas e preparados para encarar as dores pós-cirúrgicas. E não era esse o único motivo. Segundo a pesquisa pessoas casadas fumam menos, comem melhor e se esquecem menos de tomar os medicamentos. Viu, só? É bom arranjar um amor para cuidar de você nas horas ruins…
Fonte: Revista Superinteressante Online

Solteiros Morrem Mais Cedo

O mimimi é justificado, gente: de acordo com pesquisadores da Universidade de Louisville (EUA), os homens solteiros têm um risco de morte 32% maior do que os casados. As mulheres não ficam muito atrás: morrem 23% mais. O resultado saiu de uma superanálise de 90 estudos anteriores sobre o tema – o conjunto mostrou que o pessoal forever alone bate as botas entre 7 e 17 anos mais cedo do que as pessoas que têm aliança no dedo. Tenso, né? O motivo é bem óbvio: os casados têm mais do chamado “suporte social” – companhia para garantir o bem-estar e para ajudar caso algo dê errado. Um outro estudo, por exemplo, feito no Canadá, mostrou que os homens casados têm mais chances de sobreviver a um ataque cardíaco porque são levados para o hospital mais cedo. No caso, pelas esposas.


Fonte: Revista Superinteressante Online

O Brasil Inventa a Censura Democrática

Os progressistas só creem em liberdade para quem concorda com eles. Para os outros, mordaça!
Por GUILHERME FIUZA
Meio século depois do golpe de Estado que feriu as liberdades no Brasil, um deputado foi impedido de discursar no Congresso Nacional. Mas não tem problema, porque esse deputado é de direita. Essa é a noção de democracia dos progressistas que abominam a ditadura militar: liberdade de expressão para os que falam as coisas certas. Para quem fala as coisas erradas, mordaça. E quem decide o que é certo são eles, os progressistas. Eles é que têm o dom da virtude (por coincidência, foi exatamente isso que os militares pensaram em 1964). Seria cômico se não fosse trágico: os que carregam a bandeira contra o autoritarismo podem mandar os outros calar a boca. O deputado Jair Bolsonaro é um conhecido defensor da categoria militar. E defende o regime implantado em 1964. Numa sessão na Câmara dos Deputados que marcava os 50 anos do início da ditadura, deputados e militantes progressistas i…

Reduzir Seis Fatores de Risco à Saúde Pode Evitar 37 Milhões de Mortes

Óbitos podem ser prevenidos até 2025 com diminuição do tabagismo, pressão alta, obesidade, excesso de açúcar no sangue e consumo de álcool e de sal



Se a população mundial conseguir reduzir seis dos principais fatores de risco à saúde – tabagismo, consumo de álcool, excesso de sódio na alimentação, pressão alta, níveis elevados de açúcar no sangue e obesidade —, será possível evitar 37 milhões de mortes até 2025. A conclusão faz parte de um estudo feito no Imperial College de Londres, na Grã-Bretanha, e publicado neste final de semana na revista médica The Lancet.


Texto completo em Vejaonline

Simples Assim.