Pular para o conteúdo principal

O Espírito Que Vai Em Mim


A dicotomia deste homem que sou,
Faz-me desafios todos os dias pelas escolhas que tenho que fazer.
Traz ao meu íntimo tanta tribulação, apenas
Pelo receio da ação errada e seu preço.

Todos os assuntos que intimamente debato,
Fazem minha alma pender entre a carne e o espírito, o natural e o espiritual.
São instantes constantes que trazem à minha mente sempre o desafio de falar as palavras certas, agir da forma certa, sentir as emoções certas e assim, bem representar Deus.

Como bem disse Paulo,
Quero o bem, escolho a lei de Deus que é pura, santa e boa,
Porém, habito num corpo, numa carne que pela má influência exterior, se inclina para pecar.
Por esta razão, mergulho numa guerra sem fim que insiste em me exigir forças todos os dias.

“Quem me livrará do corpo dessa morte?” – pergunta Paulo.
“Quando terminarei a minha dor e descansarei a minha alma?” – Pergunto eu.

Apesar de tudo isto,
Minha vida insiste em caminhar trilhando conselhos e caminhos divinos.
Por mais dolorido que seja, e por mais ansioso que esteja,
Há um Espírito que vem sobre mim e consola... e renova... e inspira...

O Espírito que vem sobre mim me impede de atender as paixões carnais e fazer tudo que gostaria;
O Espírito que vem sobre mim me impede de dizer tudo quando estou com raiva;
O Espírito que vem sobre mim mostra-me ao irmão como irmão, não como um juiz.
O Espírito que vem sobre mim me impede de mil aventuras quando o mau disfarça o abismo e me apresenta um parque de diversão;
O Espírito que vem sobre mim me impede de grandes bravatas quando a platéia precisa de um espetáculo;

Este Espírito que me domina, me constrange, me cobra posição,
insiste em contar comigo mesmo com minhas fraquezas e imperfeições;
Este Espírito, do seu jeito, de sua maneira, apenas quer manifestar sua presença entre nós.
Este Espírito, que oferece à todos a afeição com Cristo, quer apenas nos fazer companhia.

Quando minha carne me atribula,
este Espírito sussurra em meus ouvidos que não me exige força,
apenas confiança.

Assim vou...
Apenas confiando que no desfecho final,
a alegria e gozo me farão esquecer todas as tribulações, humilhações e dores de minha existência.
O Espírito que vai em mim me diz isto.
E eu, apenas vou...
rumo ao infinito.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Porteiro, Auxiliar, Diácono, Presbítero, Evangelista, Pastor. E Mais. Missionária, Bispo, Apóstolo. O Que é Tudo Isso?

De repente, somos sobressaltados com a notícia: "Mais algumas dezenas, e até centenas, de novos obreiros para servir no Reino de Deus". A notícia seria boa, se guardasse a essência dos requisitos bíblicos exigidos para novos obreiros e preservassem o propósito divino na separação de novos chamados.
Para que precisamos de porteiros? Óbvio. Para guardar as portas. Porteiro era considerado Levita, desenvolvia, também, a tarefa de arrecadador de ofertas (2 Cr. 31:14) e vigia (Mc. 13:34); Jesus menciona o porteiro como responsável pela guarda da porta do aprisco das ovelhas (Jo. 10:3; ver também Ed. 7:24). É improdutivo, uma igreja de porta única, com uma quantidade exagerada de porteiros para servir.
Para que precisamos de auxiliares? Há pessoas mencionadas na Bíblia como "cooperadores", no entanto, sem evidência de se referir a um cargo. Eram pessoas que haviam prestado algum tipo de auxílio à alguém, em algum momento específico (Fp. 2:25; At. 20:35). Pode ser até o mes…

Cristo Está Morto! ...de Vergonha.

As Assembleias de Deus na Bahia foi construída sobre os ombros de homens e mulheres altruístas e dedicados que seguiam os conselhos bíblicos com a radicalidade exigida de quem, verdadeiramente, se converteu a Cristo. Foi desta forma que ela cresceu, se consolidou e tornou-se referência de conduta cristã e legítima representante do movimento pentecostal. Seu povo, ordeiro, decente e piedoso, nutria profundo respeito da população por serem responsáveis, honestos, humildes e fiéis.
Mas o crescimento trouxe consigo o desassossego de uma estrutura cada vez maior para suportar um organismo em expansão. A quantidade cada vez maior de congregações exigia mais esforços de sua liderança, pois, com uma administração centralizada, a mobilidade e os recursos passam a ser compartilhados para sustentar a própria estrutura administrativa. É essa estrutura administrativa que, no afã de conceder segurança futura aos seus ministros, fundam uma associação de pastores, conhecida como Convenção.
Órgão com ab…

CEADEB x ADESAL - É feio, muito feio!

Os desdobramentos do litígio entre o presidente da CEADEB e o presidente da ADESAL prossegue revitalizando as feridas causadas pelo rompimento do vínculo de alguns pastores de sua convenção (CEADEB).
No mais recente episódio, uma decisão judicial interlocutória - sem definição de mérito - tomada na ação que a CEADEB move contra a ADESAL, foi entendida como um ato de destituição do pastor Israel Ferreira do comando da Assembleia de Deus em Salvador. Sem querer entrar nas questões técnicas da decisão (deixo isto para os advogados e rábulas), a decisão não dá nada a ninguém, haja vista uma série de “condicionantes” expressos no comando judicial. Na verdade, a decisão da desembargadora é uma espécie de carta do apóstolo Paulo aos Coríntios na versão para os assembleanos baianos: “se entendam!”
Ato seguinte a decisão mencionada, o pastor Valdomiro Pereira distribui um vídeo para os obreiros assembleanos. Nele, informa (ou desinforma) a plateia que o pastor Israel Ferreira foi destituído do…