quinta-feira, 17 de março de 2011

O Que Fizeram Com a Minha Fé?

A fé vem pelo ouvir... Eu ouvir da boca dos homens a Palavra de Deus.

Crente não mente, e mesmo com dano seu, cumpre com o que se comprometeu. Disseram-me que negócios com crente é pra valer. O sim é sim, e o não, é não. Ele se esmera no que faz porque faz para o Senhor (Deus). Crente, às vezes, trabalha muito apenas por amor.

Falaram-me que ser crente é reconhecer não ser nada, é o Senhor que opera em nós, tanto o querer como o efetuar... Ensinaram-me que nosso negócio é d’outro mundo...  Por esta razão, nada de gastar energia desnecessária naquilo que é passageiro. Até mesmo exercícios físicos, pra quê?

Nada de guardar dinheiro... Temos o céu como nossa casa de tesouro eterno. Insistiram-me que somos todos iguais... Crente não adota celebridade, seja cristão ou pagão, pelo contrário, valoriza as pessoas pelo trato do homem interior. As marcas de Cristo... Fizeram-me acreditar que, no Reino de Deus, quem manda é Deus. Crente apenas aceita a vontade divina, reconhecendo que os pensamentos de Deus são mais altos que os nossos pensamentos e seus caminhos melhores que os nossos caminhos.

Convenceram-me a ouvir sobre Mateus 5, insistentemente, repetidas vezes. Fizeram-me estudar em várias Escolas Bíblicas Dominicais, as cartas de Paulo, especialmente, a que foi dirigida à igreja em Corinto.

Acreditei no que me disseram...

Ficarão de fora os cães e os feiticeiros, e os que se prostituem, e os homicidas, e os idólatras, e qualquer que ama e comete a mentiraAp. 22:15 - E tudo quanto fizerdes, fazei-o de todo o coração, como ao Senhor, e não aos homensCl. 3:23 – “Porque para mim o viver é Cristo, e o morrer é ganhoFp. 1:21 – “Mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam Mt. 6:20 – “Para que todos sejam um, como tu, ó Pai, o és em mim, e eu em ti; que também eles sejam um em nós, para que o mundo creia que tu me enviasteJo. 17:21 – “E ele lhes disse: Quando orardes, dizei: Pai nosso, que estás nos céus, santificado seja o teu nome; venha o teu reino; seja feita a tua vontade, assim na terra, como no céu Lc. 11:2.

Que tristeza... também vi o que fizeram.

Liturgia - O culto começaria às 18h., 18:30h., 19h., 19:15h... Quando tiver gente suficiente... Terminaria às 20h., 20:15h., 21h., 21:30h., 22h... depois que o pastor chegar... e pregar...; Comércio - Banco fechou área que cuidava de contas do segmento evangélico e grupo de telefonia móvel num segmento evangélico é um sofrimento (Porque será?); Corrupção - Políticos evangélicos oram “agradecendo a Deus” a “benesse” recebida de um esquema fraudulento (Ai!!!); Reino de Deus - Líderes evangélicos pedem que a justiça dos homens intervenha no Reino de Deus (Quem é o maior? Quem é o melhor? Deus está do lado de quem?); Tele-evangelistas – “missionários” pedem dinheiro com anéis de ouro no dedo (ah!). Política - Pastor ou político? (vamos cuidar dos corpos dos homens por que das almas já tem gente suficiente (Hummm).) Ídolos - Pregador celebridade vale quanto pesa, ou melhor, quanto grita. O desconhecido merece um aperto de mão e um Deus-lhe-abençoe (???!); Legalidade - Pastor (ops! pastor não, apóstolo) preso com a bispa (bispa???) por entrada em outro país sem a declaração correta dos dólares que levava. Ufa!

Disse Jesus:

Todas as coisas, pois, que vos disserem que observeis, observai-as e fazei-as; mas não procedais em conformidade com as suas obras, porque dizem e não fazem” Mt. 23:3 – “Porque vos digo que, se a vossa justiça não exceder a dos escribas e fariseus, de modo nenhum entrareis no reino dos céus”. Mt. 5:20

O que fizeram com a minha fé? "Santificaram-na".

Os homens anunciam a Palavra de Deus (Não há qualquer valor nos homens. Um jumento já falou, o céu já bradou, corvos já entregaram alimento...). Minha fé veio ao ouvir esta Palavra, mas, uma coisa é a palavra que origina a fé, outra coisa são os homens, mensageiros da Palavra. Neste caso, uma coisa é uma coisa, e outra coisa é outra coisa. Ainda que a gente sempre espere que os anunciantes façam o que falam, as atitudes incoerente foram, para mim, benéficas neste particular.

Fé verdadeira é aquela posta em Cristo, somente em Cristo, a Palavra de Deus, o Verbo que se fez carne e habitou entre nós. É aquela que não funciona amparado pelo que vê (as obras dos homens) e, sim, pelo que crê (a Palavra de Deus na boca dos homens). É um tanto difícil compreender e, mais ainda, aceitar.

Aprendi, e aceito as coisas como são,

“Para ver se de alguma maneira posso chegar à ressurreição dentre os mortos. Não que já a tenha alcançado, ou que seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus. Irmãos, quanto a mim, não julgo que o haja alcançado; mas uma coisa faço, e é que, esquecendo-me das coisas que atrás ficam, e avançando para as que estão diante de mim, Prossigo para o alvo, pelo prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus. (...) Porque muitos há, dos quais muitas vezes vos disse, e agora também digo, chorando, que são inimigos da cruz de Cristo, cujo fim é a perdição; cujo Deus é o ventre, e cuja glória é para confusão deles, que só pensam nas coisas terrenas. Mas a nossa cidade está nos céus, de onde também esperamos o Salvador, o Senhor Jesus Cristo, que transformará o nosso corpo abatido, para ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de sujeitar também a si todas as coisas” (Fp. 3:11-14; 18-21).

Nenhum comentário: