quinta-feira, 27 de fevereiro de 2014

E a Presidente Dilma Roussef Acredita em Deus?

Transcrevo do blog do Reinaldo Azevedo (http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/), parte de um texto em que ele cita uma "entrevista que Dilma concedeu ao apresentador Datena em abril de 2010. Datena quis saber se ela acreditava em Deus — o petismo já estava preocupado em fabricar a imagem de uma candidata pia. Ela então despachou:


“Olha, eu acredito numa força superior que a gente pode chamar de Deus. Eu acredito e… E acredito, mais do que nessa força, se ocê (???) me permitir, acredito na força dessa deusa mulher que é Nossa Senhora.”
 
Heeeiiinnn?
 
Esse negócio de “força superior que a gente pode chamar Deus” pode ser qualquer coisa, né? Em certas circunstâncias, um vírus pode ser uma força superior — e, até onde se sabe, Deus não é. Maionese estragada também se torna força superior. A pessoa deixa de ser dona de seu destino. E cólica renal então? Até hoje, felizmente, só tive uma. Força superioríssima, se me permitem a graça!"
 
Permitam-me a carona.
 
Para os cristãos, é importante conhecermos o que pensa nossos mandatários sobre Deus. A pergunta feita pelo apresentador Datena (elementar num país de maioria cristã), "a senhora acredita em Deus?" é a base que pavimenta a relação presidente - cidadãos.
 
A Bíblia diz que "Bem-aventurada é a nação cujo Deus é o Senhor, e o povo ao qual escolheu para sua herança" (Sl. 33:12). Pergunto: "Como ser uma nação feliz tendo Deus como Senhor e uma presidente que não acredita em Sua existência?"
 
Dilma Roussef NÃO ACREDITA EM DEUS. Ela acredita nessa "coisa" que "a gente pode chamar de Deus", e que possui "uma deusa senhora" acima dele.
 
Pois é. O Brasil não podia estar melhor com uma governante dessa. E nesta toada, estamos caminhando para um passado remoto onde a civilização se debruçava sobre aquilo que podiam fazer com uma lasca de pedra.
 
Políticos acreditando em Deus já são problemas, imaginem sem acreditar.

Nenhum comentário: