Servindo Em Casa


Pois bem, se eu, sendo Senhor e Mestre de vocês, lavei-lhes os pés, vocês também devem lavar os pés uns dos outros. Eu lhes dei o exemplo, para que vocês façam como lhes fiz. Digo-lhes verdadeiramente que nenhum escravo é maior do que o seu senhor, como também nenhum mensageiro é maior do que aquele que o enviou. Agora que vocês sabem estas coisas, felizes serão se as praticarem"” (João 13:14-17).


O chamado de Deus para a humanidade é um convite à solidariedade. Um olhar para o outro como alvo de nosso apoio e ajuda. Nossa relação conjugal deve ser alvo primeiro desta solidariedade. Antes mesmo de olharmos o vizinho, o colega de trabalho, o irmão na igreja, ou o transeunte, Deus nos conclama a olharmos, prioritariamente, para nosso cônjuge.

Ajudar, independente de como, quando e porquês. Cristo rompe com nossas desculpas e mostra que, mesmo tendo um traidor entre seus discípulos, ajudar ainda é o melhor remédio para ele e para nós. Quem se nega servir não experimenta a felicidade. O contentamento, a satisfação, o sentimento de dever cumprido, aquela sensação de ter feito uma coisa boa que deixa a alma mais leve e nosso espírito flutuando na graça de Deus.

Viver é um desafio difícil e doloroso e você não pode cair na armadilha egoísta de achar que sua dor é maior ou pior que a dor do outro, você não pode aceitar a ideia que seu trabalho é o único que exige esforço maior que suas forças. A tua esposa precisa de ajuda! O teu esposo precisa de ajuda!

A parceria estabelecida na aliança firmada, implica num compromisso de estar ao lado, não como uma companhia isolada e insensível, mas, como parceiro ou parceira que põe suas mãos junto com as do outro. Ser uma só carne, implica em sentir o que o outro sente, viver o que o outro vive e somar forças com o cônjuge no cumprimento de suas tarefas diárias.

A dor do outro é nossa dor! O trabalho do outro é nosso trabalho!

E assim cumprireis a lei de Cristo! E assim sereis felizes!

Você já ajudou seu cônjuge hoje?

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Porteiro, Auxiliar, Diácono, Presbítero, Evangelista, Pastor. E Mais. Missionária, Bispo, Apóstolo. O Que é Tudo Isso?

Quatro Pilares Para Uma Família Feliz

QUANDO É HORA DE MUDAR DE IGREJA